Centro-Oeste - Trens, ferrovias e ferreomodelismo
Ferrovias | Mapas | Estações | Locomotivas | Diesel | Vapor | Elétricas | Carros | Vagões | Trilhos Urbanos | Turismo | Ferreomodelismo | Maquetes ferroviárias | História do hobby | Iniciantes | Ferreosfera | Livros | Documentação | Links | Atualizações | Byteria | Mboabas | Brasília | Home
  
   
   
  

Ferreosfera

  

Bibliografia

• A Gretoeste: a história da rede ferroviária GWBR - 25 Abr. 2016

• Índice das revistas Centro-Oeste (1984-1995) - 13 Set. 2015

• Tudo é passageiro - 16 Jul. 2015

• The tramways of Brazil - 22 Mar. 2015

• Regulamento de Circulação de Trens da CPEF (1951) - 14 Jan. 2015

• Caminhos de ferro do Rio Grande do Sul - 20 Nov. 2014

  

   

EFMM - Estrada de Ferro Madeira Mamoré
Quadro de Avisos: – EFMM


 
Pequenas notícias sobre a EF Madeira-Mamoré
publicadas no Centro-Oeste, de 1991 a 1995

30-Dez-1991 - Madeira-Mamoré - CO-62

O trecho turístico (reativado), que restava da EF Madeira-Mamoré, foi desativado e está sendo convertido em centro cultural. A antiga oficina, agora serve de abrigo a meliantes. Os pátios da oficina - onde foram aterrados o girador e outros equipamentos - virou sambódromo. A estação foi transformada em casa do artesão.

Por medida de "economia", já não existe uma turma que cuide da linha. Locos em bom ou mau estado estão largadas ao tempo, esperando pela ferrugem. O mesmo, quanto aos carros e vagões.

Ferroviários que cuidem do patrimônio, só havia 4 nos dias de minha última visita, Nov.23, 24 e 25. De público, não havia ninguém. Fazer o quê? (Rosendo Vericat, Cacoal, RO).

10-Mai-1992 - EFMM (I) – CO-66

Assinado em 92/Mar/10, pelo presidente Collor, o decreto que permite iniciar a transferência do patrimônio da EF Madeira-Mamoré para o governo de Rondônia. Aliás, foi o atual governo de Rondônia que desativou o trecho turístico que havia sido reativado e vinha sendo mantido em operação a duras penas. Sua bandeira, nos jornais que lhe são favoráveis, tem sido atacar a antiga administração da EFMM, e alardear que irá reativá-la em toda extensão.

10-Mai-1992- EFMM (II) – CO-66

Instaurado inquérito em 92/Fev/19, pelo procurador da República, Roberto Luís Thomé, para apurar a situação passada e presente da EF Madeira-Mamoré. Será investigada a existência de "quantidade enorme de material, máquinas e construções em estado de abandono e em processo de decomposição ao longo da ferrovia, a par de inúmeros objetos desapropriados e sem condições de voltarem ao domínio público", inclusive o girador de locomotivas, aterrado e cimentado.

1°-Set-1992 - Rotunda – CO-70

A Associação de Preservação do Patrimônio Histórico do Estado de Rondônia, juntamente com os Amigos do Trem, realizaram em Jul/10 um encontro na praça da EF Madeira-Mamoré, Porto Velho, em memória do 20° aniversário da desativação da estrada.

Segundo o arquiteto Luiz Leite, mais do que uma reunião de pessoas que ainda não perderam a esperança de reativar a ferrovia - "ameaçada com o anúncio da construção de um centro cultural" (CO-69/20) -, o encontro buscava sensibilizar as autoridades para "anistiarem" a famosa "Ferrovia do Diabo".

Só para se ter uma idéia do que significa a EFMM - prossegue o arquiteto -, em seu pátio está enterrado o girador de locomotivas. Antes de ser soterrado, foi lubrificado pelos ferroviários, na esperança de que um dia os trens voltassem a apitar nos trilhos, entre Porto Velho e Guajará-Mirim (jornal O Estadão, Porto Velho, 92/Jul/10).

1º-Out-1992 - Rondônia (I) - CO-71

A Bandeirantes apresentou uma reportagem sobre a EF Madeira-Mamoré, na Amazônia. As cenas foram de entristecer, com o material deteriorando e as linhas invadidas pelo mato (César Tonetti, Valinhos, SP).

1º-Out-1992 - Rondônia (II) - CO-71

Não existem mais os passeios da EF Madeira-Mamoré. A linha foi invadida, em Porto Velho, e a mata já tomou conta dos trilhos em Santo Antônio, onde também fui (José F. Pavelec, Ponta Grossa, PR).

1º-Set-1995 - Rondônia - CO-96

Nossa luta já deu algum resultado, pois o passeio turístico da estação de Porto Velho até Santo Antônio (8 km), aos Domingos e feriados, já foi restabelecido - assim como o museu ferroviário voltou a abrir, inclusive aos Sábados e Domingos.

Neste mês de Junho, nossa Associação está dando apoio logístico a uma equipe de cinema da Dinamarca, que está fazendo tomadas em Porto Velho e Guajará-Mirim para um filme sobre a saga da EF Madeira-Mamoré, a ser exibido nos países escandinavos em Janeiro próximo (Luiz Leite de Oliveira, presidente da Associação de Amigos da Madeira Mamoré, Porto Velho, RO).

1º-Set-1995 - Rondônia - CO-96

Um trecho de 16 km na outra ponta da EF Madeira-Mamoré, de Guajará-Mirim até Bananeiras, foi reinaugurado em Abril/10 pp., com uma pequena litorina recuperada, para 15 passageiros.

A recuperação foi feita pela prefeitura de Guajará-Mirim, que espera inaugurar em Setembro os 26 km até Iata (Rosendo Vericat, Aracaju, SE).

   

Ferrovias

• Estrada de Ferro Goiás - 30 Jul. 2018

• Locomotiva GE U23C nº 3902 RFFSA - 8 Out. 2017

• Trem Vitória - Belo Horizonte - pontos de venda - 2 Out. 2017

• Horários do Trem Vitória - Belo Horizonte - 28 Set. 2017

• Litorinas Budd RDC no Brasil - 27 Set. 2017

• Trem das Águas - ABPF Sul de Minas - 15 Set. 2017

• Fases de pintura das locomotivas English Electric EFSJ / RFFSA - 2 Mai. 2017

• A Velha Senhora no trem da Luz a Paranapiacaba (1985) - 22 Fev. 2017

• Horários do Trem turístico S. João del Rei - 6 Dez. 2016

• Trens especiais Curitiba - Pinhais (1991) - 29 Nov. 2016

• Trem turístico a vapor Curitiba - Lapa (1986) - 26 Nov. 2016

Os “antigos” trens turísticos a vapor da RFFSA - 21 Nov. 2016

  

Ferreofotos

• Estação Aimorés - Trem Vitória a Minas - 27 Set. 2017

• EFSPRG - A ferrovia na guerra do Contestado - 25 Set. 2017

• Toshiba DNPVN - Porto do Rio Grande - 11 Jul. 2017

• A volta da locomotiva "Velha Senhora" (1981) - 18 Fev. 2017

• Reconstrução da Rotunda de São João del Rei (1983-1984) - 8 Dez. 2016

• Trem do centenário do cerco da Lapa (1993) - 2 Dez. 2016

• Embarque de blindados em vagões Fepasa (1994) - 27 Nov. 2016

• Os “antigos” trens turísticos a vapor da RFFSA - 23 Nov. 2016

• G12 canadenses “espartanas” nº 4103-4196 na ALL - 7 Set. 2016

• Locomotivas “Loba” GE 1-C+C-1 nº 2001 a 2025 Fepasa - 5 Set.. 2016

  

Ferreomodelismo

• Backlight em maquetes de ferreomodelismo - 5 Nov. 2017

• Luzes de 0,5 mm (fibra ótica) - 2 Jun. 2016

• Vagão tanque TCQ Esso - 13 Out. 2015

• Escalímetro N / HO pronto para imprimir - 12 Out. 2015

• Carro n° 115 CPEF / ABPF - 9 Out. 2015

• GMDH-1 impressa em 3D - 8 Jun. 2015

Memória das lutas pela EFMM
1985 - Exposição sobre a EF Madeira-Mamoré | 1987 - Conheça a EF Madeira-Mamoré
1987 - Best-seller ajuda a reconstituir a época | 1991 a 1995 - Quadro de Avisos | 1992Apontado "golpe da reativação"
1992 - Comissão Geral EF Madeira-Mamoré | 1992 - Visita à EF Madeira-Mamoré | 1992 - A luta pela EF Madeira-Mamoré
1993 - MIS lança álbum da EF Madeira-Mamoré | 1993 - Madeira-Mamoré reabre este mês
1995 - Governador visita a EF Madeira-Mamoré | 1995 - Linhas de ação para reativar a estrada
1995 - Ferrovia volta a ter esperanças | 2001 - Seminário Internacional EFMM
Estrada de Ferro Madeira-Mamoré - EFMM
Cronologia | Tratado de Petrópolis | Fotos da construção | Panorâmica de Porto Velho
A Ferrovia do Diabo | Álbum do MIS | Documentação X destruição | Fotos de 1983
Mapas: 1970 | 1969 | 1965 | 1954 | Estações em 1960 | Abertura dos trilhos | 1910 | 1907
Acervo do Museu | Ferrovias da Amazônia

Busca no site
  
       
Ferrovias | Mapas | Estações | Locomotivas | Diesel | Vapor | Elétricas | Carros | Vagões | Trilhos Urbanos | Turismo | Ferreomodelismo | Maquetes ferroviárias | História do hobby | Iniciantes | Ferreosfera | Livros | Documentação | Links | Atualizações | Byteria | Mboabas | Brasília | Home
Sobre o site Centro-Oeste | Contato | Publicidade | Política de privacidade