Centro-Oeste - Trens, ferrovias e ferreomodelismo
Ferrovias | Mapas | Estações | Locomotivas | Diesel | Vapor | Elétricas | Carros | Vagões | Trilhos Urbanos | Turismo | Ferreomodelismo | Maquetes ferroviárias | História do hobby | Iniciantes | Ferreosfera | Livros | Documentação | Links | Atualizações | Byteria | Mboabas | Brasília | Home
  
   
   
Ferreomodelo do vagão prancha rebaixado com a miniatura do transformador
Ferreomodelo do vagão prancha rebaixado com a miniatura do transformador
Vagões-prancha rebaixados e vagões especiais
Ferreomodelo EFS (I) | Ferreomodelo EFS (II) | Ferreomodelo EFSJ | Ferreomodelo EFCB | Ferreomodelo RFFSA
Para fazer um vagão prancha rebaixado | A fonte | O vagão da EF Sorocabana | Um transformador para o vagão prancha rebaixado
Vagão especial da Usiminas | Ferreomodelo do vagão especial | Vagão prancha Usiminas com gabarito para cargas especiais | Canhão ferroviário
Fazendo e modificando ferreomodelos
Luzes de 0,5 mm (fibra ótica) | Detalhamento do vagão HAT | Detalhamento de um vagão fechado
Fazendo um container em poliestireno | Estrutura para um vagão prancha rebaixado | Fazendo um vagão caboose
Transformando uma gôndola Atma em vagão GPD da RFFSA | Modelando um vagão de água da Paulista
Nacionalizando locomotivas estrangeiras (I) | Nacionalizando locomotivas estrangeiras (II) | Nacionalizando vagões estrangeiros
Coloque sua RDC na escala correta | Modificação da AS-616 Stewart Hobbies | Modificação da GP18 Proto 2000 Life Like
Modelando uma locomotiva U23C em escala HO
Fazendo uma C36ME a partir de U33C ou U36C | Modelando a locomotiva C30-7

Ferreomodelismo

• Luzes de 0,5 mm (fibra ótica) - 2 Jun. 2016

• Vagão tanque TCQ Esso - 13 Out. 2015

• Escalímetro N / HO pronto para imprimir - 12 Out. 2015

• Carro n° 115 CPEF / ABPF - 9 Out. 2015

• GMDH-1 impressa em 3D - 8 Jun. 2015

• Decais para G12 e C22-7i MRN - 7 Jun. 2015

• Cabine de sinalização em estireno - 19 Dez. 2014

• Cabine de sinalização em palito de fósforo - 17 Dez. 2014

• O vagão Frima Frateschi de 1970 - 3 Jun. 2014

• Decais Trem Rio Doce | Decais Trem Vitória-Belo Horizonte - 28 Jan. 2014

• As locomotivas Alco FA1 e o lançamento Frateschi (1989) na RBF - 21 Out. 2013

• A maquete do Trem turístico Ouro Preto - Mariana (Trem da Vale) - 12 Out. 2013

   

Ferreomodelismo
Transformador para o
vagão prancha rebaixado


 
Fernando Leon Lucas
Centro-Oeste n° 93 – 1°-Fev-1995

Eu havia prometido fazer alguns desenhos explicando como foi feito o transformador que serve como carga para o vagão-prancha rebaixado. Para detalhar através de desenho vai ser muito trabalhoso, e eu não tenho encontrado tempo, por isso vou explicar alguns detalhes da construção.

Ele foi feito todo em poliestireno de 0,5 mm, 1 mm e 2 mm de espessura.

Não fiz em escala, e tomei como modelo um transformador existente aqui em São Leopoldo, numa das subestações da Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE), empresa onde trabalhei como eletrotécnico.

O transformador é fabricado aqui em Canoas pela Coemsa, e sua potência é de 25 MVA. É um transformador redutor de tensão, de 69 KV para 22 KV. Seu peso total é de 47.000 kg.

No interior do transformador, além dos componentes elétricos, a caixa é cheia de óleo mineral que serve como isolante e refrigerante. São usados 15.000 litros de óleo, que correspondem a 13.500 kg.

Quando se transporta um transformador de grande porte, quase sempre se retira o óleo isolante, isoladores e até os radiadores, para diminuir o peso e as dimensões externas.

Iniciei fazendo uma caixa retangular fechada, de 48 x 25 mm, e 50 mm de altura. A parte de cima, que é a tampa, é um pouco maior, para deixar ao redor uma aba de 0,5 mm.

Os isoladores foram feitos com pequenas arruelas de poliestireno de 0,5 e 1 mm de espessura, cortadas com vazador de 2 diâmetros diferentes.

Elas foram furadas no centro e enfiadas num pedaço de arame para facilitar a montagem e colagem.

Os radiadores, 5 conjuntos de cada lado, foram feitos em poliestireno de 0,5 mm. Cada conjunto tem 10 lâminas de 37 x 5 mm. As lâminas são empilhadas e coladas com um separador entre elas. O separador é da mesma espessura, e mede 26 x 2 mm.

Nos 4 conjuntos de radiadores das extremidades, foram coladas 2 peças que imitam os ventiladores para refrigeração.

A peça cilíndrica que fica acima da caixa é o tanque de expansão, que tem 15 mm de diâmetro e 26 mm de comprimento. Para fazê-la em poliestireno, cortei várias arruelas de 2 mm de espessura e fiz uma fila, colando uma sobre a outra, após passar no torno.

A fixação do tanque na caixa é feita através de uma estrutura que imita um ferro de seção (perfil) em "I".

O tanque possui vários acessórios, tais como: – Canos, válvulas, registro e indicador de nível de óleo.

Entre o tanque de expansão e a caixa existe ligação por meio de canos que eu imitei frezando pedaços de poliestireno.

Nas laterais do transformador existem pequenas caixas que servem para passagem da fiação e de abrigo para termômetro, controle dos ventiladores dos radiadores, regulador de tensão etc.

Nas laterais da caixa existem olhal e gancho para sua fixação no transporte.

Os isoladores foram pintados com tinta esmalte marrom, e o restante com tinta esmalte verde, que é a cor padrão dos equipamentos da CEEE.

   

Ferrovias

Os “antigos” trens turísticos a vapor da RFFSA - 21 Nov. 2016

• Estação de Cachoeiro de Itapemirim | Pátio ferroviário (1994) - 28 Fev. 2016

• Caboose, vagões de amônia e locomotivas da SR7 em Alagoinhas (1991) - 25 Fev. 2016

• Locomotivas U23C modificadas para U23CA e U23CE (Numeração e variações) - 17 Fev. 2016

• A chegada da ponta dos trilhos a Brasília (1967) - 4 Fev. 2016

• Livro “Memória histórica da EFCB” - 7 Jan. 2016

• G8 4066 FCA no trem turístico Ouro Preto - Mariana (Girador | Percurso) - 26 Dez. 2015

• Fontes e fotos sobre a locomotiva GMDH1 - 18 Dez. 2015

• Locomotivas Alco RS no Brasil - 11 Dez. 2015

  
Detalhes do transformador sobre o ferreomodelo de vagão prancha rebaixado
Detalhes do transformador sobre o ferreomodelo de vagão prancha rebaixado
Vagões-prancha rebaixados e vagões especiais
Ferreomodelo EFS (I) | Ferreomodelo EFS (II) | Ferreomodelo EFSJ | Ferreomodelo EFCB | Ferreomodelo RFFSA
Para fazer um vagão prancha rebaixado | A fonte | O vagão da EF Sorocabana | Um transformador para o vagão prancha rebaixado
Vagão especial da Usiminas | Ferreomodelo do vagão especial | Vagão prancha Usiminas com gabarito para cargas especiais | Canhão ferroviário
Fazendo e modificando ferreomodelos
Luzes de 0,5 mm (fibra ótica) | Detalhamento do vagão HAT | Detalhamento de um vagão fechado
Fazendo um container em poliestireno | Estrutura para um vagão prancha rebaixado | Fazendo um vagão caboose
Transformando uma gôndola Atma em vagão GPD da RFFSA | Modelando um vagão de água da Paulista
Nacionalizando locomotivas estrangeiras (I) | Nacionalizando locomotivas estrangeiras (II) | Nacionalizando vagões estrangeiros
Coloque sua RDC na escala correta | Modificação da AS-616 Stewart Hobbies | Modificação da GP18 Proto 2000 Life Like
Modelando uma locomotiva U23C em escala HO
Fazendo uma C36ME a partir de U33C ou U36C | Modelando a locomotiva C30-7
Ferramentas e técnicas de construção de ferreomodelos
Materiais & ferramentas para o trabalho com modelos | Material & ferramentas para modelos em plástico
Fixação de truques em modelos de fabricação própria | Fresando cilindros de balsa e estireno | Fresa de isqueiro

Busca no site
  
       
Ferrovias | Mapas | Estações | Locomotivas | Diesel | Vapor | Elétricas | Carros | Vagões | Trilhos Urbanos | Turismo | Ferreomodelismo | Maquetes ferroviárias | História do hobby | Iniciantes | Ferreosfera | Livros | Documentação | Links | Atualizações | Byteria | Mboabas | Brasília | Home
Sobre o site Centro-Oeste | Contato | Publicidade | Política de privacidade